sexta-feira, março 13, 2015

Turistando perto de casa

Todo mundo já sabe que há mais de três anos estamos morando meio em Santos, meio em São Paulo.
A Rodovia dos Imigrantes é nosso "caminho da roça", semanalmente.
Ontem pela manhã, saímos pra mais uma travessia planalto/litoral, com um plano na algibeira: almoçar no Estação Bistrô, o restaurante-escola que funciona na antiga Estação do Valongo. Eu recebo o cardápio deles por e-mail semanalmente e o de ontem nos tentou com um estrogonofe de pupunha. Hum! 
A estrada estava bem livre e acabamos chagando cedo para o almoço.
Resolvemos, então, fazer uma visitinha ao Museu Pelé, que fica bem em frente ao restaurante.
Fomos e gostamos. Não que a gente curta futebol, Pelé, etc e tal, mas o lugar é muito interessante. 
Um enorme casarão antigo totalmente reconstruído, onde foi montada magistralmente toda a exposição: no térreo algumas informações sobre a vida do esportista. Em seguida, sobe-se de elevador até o 4º andar e dali se vai percorrendo patamares interligados por rampas onde está exposta uma bela linha do tempo da carreira do homenageado.
Pra nós, mais do que os fatos da vida pessoal e esportiva do jogador, o que marcou foram as vistas das janelas. Nos fartamos de fotografar.


A casa tem duas alas, numa delas está a exposição propriamente dita e na outra uma parte interativa com algumas diversõezinhas para os amantes do esporte. 
Ana até arriscou alguns chutes ao gol...


Entre as duas alas da casa, um agradável café, quase a céu aberto. Bela descoberta! 
Nesse espaço fica também a sempre presente lojinha do museu. Café e loja podem ser acessados sem ingressos. 
Voltamos depois do almoço pra um café.


Pra  ir do museu ao restaurante, basta atravessar a linha do bonde. E cuide-se, pois o veículo circula por lá levando turistas para ver todo o centro histórico da cidade. Você pode ser um deles, se quiser.


O Estação Bistrô também merece a visita. A adaptação da antiga estação de trem é bem feita, a comida é boa, os preços são camaradas e o serviço é o que se pode esperar de garçons/alunos sob a supervisão de seus mestres.
E já que você está por ali, ainda pode dar uma olhadinha nas relíquias da Igreja e Santuário de Santo Antônio do Valongo e na anexa Capela da Venerável Ordem 3ª de São Francisco.
Tá com tempo? Ainda dá pra ver a Casa da Frontaria Azulejada, que está bem pertinho.
Pra finalizar, outro cafezinho - e talvez até uma visitinha a mais um museu - na Bolsa do Café, que está a pouca distância dali. 

6 comentários:

  1. Já tinha curtido as belas imagens nas redes, legal ter uma idéia do local e de suas atrações. BjO

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Paula!
      Venham ver de perto. As janelas (e a nossa varanda) valem a viagem. ;-)

      Excluir
  2. Se você não tivesse falado - e mostrado! - eu jamais pensaria em ir. Ficou marcadinho para uma próxima visita à mais célebre varanda do mundo! ;-)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, como almoçamos algumas vezes no Estação Bistrô, vimos parte da reforma do museu e ficamos interessadas em conhecer a coisa por dentro. Valeu!
      Venha pra varanda e pra cidade antiga!
      :-)

      Excluir
  3. Claudio Pereira14/03/2015 09:02

    O quintal de vocês.

    ResponderExcluir